quarta-feira, 15 de agosto de 2012

RENAULT 4CV!

* O "RENAULT 4CV" que em Portugal ficou conhecido como "Joaninha", foi um automóvel produzido pela construtora francesa "Renault".

CARATERÍSTICAS

a) - Período de produção entre os anos de 1946 a 1961;
b) - Pertenceu à classe dos compactos;
c) - O seu motor era de 750 cc;
d) - O seu comprimento era de 3663 milímetros;
e) - A sua largura era de 1430 milímetros;
f) - A altura era de 1470 milímetros;
g) - O seu peso bruto era de 600 quilogramas;
h) - Teve como antecessor o modelo "Juvaquatre" do mesmo fabricante e,
i) - Os seus sucessores foram os modelos "Caravelle", "Dauphine" e "4" todos daquele frabricante.

* Em Portugal este modelo ficou e continua a ser conhecido pelo nome de "Joaninha", nome que lhe adveio do formato da sua carroçaria que se assemelha àquele inseto. Uma semelhança que também aconteceu com o modelo "Fusca" da alemã "Volkswagen", que no nosso país ficou célebre pelo nome de "carocha".
* Este carro foi inspirado no modelo "Beetle" daquela marca alemã (VW) e foi o primeiro automóvel francês a vender mais de um milhão de unidades. Algumas dessas unidades foram exportadas para o Brasil, onde aqui recebeu o bem-humorado apelido de "rabo quente", por via do seu motor estar instalado na parte traseira. Na época outro carro de motor traseiro (o VW Fusca) ainda não havia chegado ao território brasileiro, sendo o motor traseiro uma completa novidade. Assim, e por pouco tempo, aquele apelido foi atribuido ao primeiro que chegou a terras do Brasil.
Exemplar em estado de novo, cuja matrícula data do ano
de 1959 (mais novo que eu dois anos). Equipamento
original, notando-se os piscas-piscas na lateral junto à
porta traseira. Por baixo do vidro traseiro fica o tampão para
o combustível. Agradeço ao proprietário a possibilidade
desta imagem. 
* O sinal de mudança de direção não era a tradicional seta que se levantava ao meio, mas sim um farolim colocado no canto lateral traseiro de cada um dos lados e que piscava (não piscava...)!
   

Sem comentários: